Pesquísa: O Uso da Tecnologia para Viabilizar a Locomoção dos Deficientes Visuais no Centro Esportivo da Cidade de Jundiaí

Desde que foi percebido pela sociedade e pelo Estado a importância da inclusão das pessoas com deficiência, acessibilidade é uma pauta de grande importância na atualidade. Em 2010, segundo o IBGE, cerca de 45 milhões de brasileiros declararam ter algum tipo de deficiência, representando cerca de 24% da população. Destarte, é necessário que todos os espaços públicos sejam acessíveis para que haja a inclusão destas, já que são importantes para a sociedade. Portanto, levando estes dados em consideração, o projeto tem como foco no auxílio da mobilidade dos portadores de deficiência visual por meio de um anexo que será instalado em suas bengalas guia, onde o mesmo identificará a informação que estará contida em etiquetas de identificação por radiofrequência, instaladas em pisos táteis especiais. Assim que a informação for identificada, ela passará na forma de áudio para o fone de condução óssea do cego via Bluetooth. Essa informação conterá detalhes sobre o lugar onde a pessoa está.

Objetivos

Objetivo Geral


Objetivos Específicos


Palavras-chave: Acessibilidade, Inclusão de Pessoas com Deficiência, Sensor de Identificação por Radiofrequência, Tecnologia.

Equipes relacionadas